Em uma das maiores exibições individuais da história do futebol, Yann Sommer assegura empate entre Bayern e Borussia Mönchengladbach

Foto: Reprodução/Bundesliga

Dezenove vezes, Yann Sommer. Bayern de Munique e Borussia Mönchengladbach se enfrentaram neste sábado (27) em jogo válido pela 4ª rodada da Bundesliga, na Allianz Arena. Com atuação monumental de Yann Sommer, que executou dezenove defesas na partida, o confronto terminou empatado por 1 a 1 – Thuram anotou o tento dos Potros, enquanto Sané, já no fim da partida, igualou para os bávaros.

O primeiro lance da partida já mostrou o que viria pela frente – logo no primeiro minuto o goleiro suíço foi obrigado a realizar uma grande defesa após cabeçada do ataque adversário. Dominante, mas sem criar chances claras de gol, o Bayern até chegou a marcar duas vezes com Sadio Mané, porém o atacante estava em condição irregular nas duas ocasiões.

Até então praticamente sem ultrapassar o meio-campo, o Borussia Mönchengladbach contou com falha clamorosa de Dayot Upamecano, que não conseguiu cortar o lance – Thuram aproveitou a bobeira do defensor, avançou todo campo e tocou de esquerda, rasteiro na saída de Neuer.

Piorando a situação no ataque, Alassane Pléa sentiu uma pancada e teve que ser substituído por Hannes Wolf, que assim como o francês, cumpriu bem o papel tático e ainda conseguiu algumas boas jogadas no ataque.

Com o passar do tempo, o Bayern foi conseguindo retomar o ritmo alucinante em busca do gol. Mané teve duas oportunidades dentro da pequena área, mas parou em duas defesas espetaculares de Sommer com os pés. Logo em seguida, o arqueiro suíço voltou a defender com os pés para evitar finalização de Sané.

Chutes de fora da área, cabeçadas, finalizações de dentro da área – Yann Sommer parou praticamente tudo, no entanto foi incapaz de evitar o empate dos bávaros aos 83’, quando Sané chutou rasteiro, de primeira, no cantinho, na única finalização que o suíço não teve qualquer chance de defesa durante toda partida. Desgastado, o time foi sofrendo fisicamente nos minutos finais e Daniel Farke foi empilhando zagueiros para tentar sustentar o resultado. Manu Koné, outro destaque com atuação de nível elevado, saiu cansado nos últimos minutos.

Ainda houve tempo para um último respiro, que poderia ser o tento da vitória. Hannes Wolf articulou boa jogada e tocou para Thuram, o francês superou a marcação e finalizou para fácil defesa de Neuer – Kramer, na entrada da área, estava livre para receber e finalizar. De toda forma, o resultado coroa a atuação história de Yann Sommer.

Borussia: Sommer, Scally, Itakura, Elvedi, Netz; Kramer, Koné (Jantschke), Neuhaus (Friedrich); Hofmann (Herrmann), Pléa (Wolf) e Thuram

2 comentários

  1. Gol do Thuram.. defesas do Sommer.. dois jogadores que estão com renovações emperradas. Qual o status atual das tratativas de renovação de ambos? Não querem mãos jogar no clube.. estão na expectativa de um tempo ou salário maior a ser ofertado pela Diretoria?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s