Peça fundamental do time, Jonas Hofmann justifica renovação de contrato no Gladbach: “Às vezes é bom saber o que você tem”

Foto: Reprodução/Dirk Päffgen

Jogador imprescindível as últimas temporadas, Jonas Hofmann sacramentou a renovação de contrato com os Potros, estendendo o vínculo até 2025 – com opção de mais um ano. Outrora jogador encostado no elenco, Hofmann teve desenvolvimento avassalador ao longo dos anos até chegar a nível de jogador selecionável.

Sempre deixando o futuro em aberto, o meia-atacante deixava claro que estava confortável no Borussia. Alguns pontos foram fundamentais para a renovação de contrato: desejo do clube através de conversas abertas e francas, chegada do novo técnico Daniel Farke e também a recente extensão contratual de Alassane Pléa, outra figura importante do elenco.

Foram diferentes motivos (para renovar). Claro, você tem diversos pensamentos e discute isso não apenas com pessoas próximas, mas também com o clube – as conversas com a direção sempre foram honestas e abertas, eles cuidaram de mim. Uma das razões é que me sinto muito confortável aqui, razões esportivas também foram extremamente importantes. Percebi na pré-temporada que existe um bom plano aqui e que algo está crescendo (sendo “plantando”). Às vezes é bom saber o que você tem”, disse o alemão.

Com algumas semanas da janela de transferências pela frente, o meia também falou sobre o timing da decisão: “Pensei bastante sobre meu futuro nas últimas semanas, é bom quando uma situação finalmente é resolvida. As coisas se desenvolveram tão positivamente durante as conversações e foi na pré-temporada que resolvi que gostaria de tomar uma decisão. Não havia mais razões para esperar”, afirmou.

Assim como nas situações de Alassane Pléa e Jonas Hofmann, o Borussia Mönchengladbach não planeja perder jogadores de forma gratuita, portanto uma decisão deveria ser tomada antes do término da atual janela de transferências – ambos renovaram, restando agora outros jogadores em situação semelhante. Seguindo a dupla, outros atletas como Yann Sommer, Ramy Bensebaini e Marcus Thuram ainda têm o futuro em aberto, pois todos possuem contrato até junho de 2023.

Novo diretor esportivo dos Die Fohlen, Roland Virkus vem trabalhando forte nos bastidores, retomando o bom ambiente no vestiário e visando a renovação de figuras importantes como Jonas Hofmann.

Estamos muito otimistas que Jonas tenha escolhido esse caminho. Em anos recentes ele evoluiu para uma figura de liderança no Borussia e em um jogador internacional. Ele é a prova de que podemos crescer e alcançar os objetivos em um clube como o Borussia. Atualmente estamos em processo de reconstrução e desejamos retornar nossa atenção a Europa (competições europeias) em algum ponto. Isso vai levar algum tempo, porém precisamos de rostos familiares – e Jonas é um deles”, analisou o diretor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s