Guia da temporada 22/23 – Borussia Mönchengladbach

Foto: Reprodução/GettyImages

INFORMAÇÕES BÁSICAS

Títulos do Campeonato Alemão: 5
Estádio: Borussia-Park (54,022)
Cidade: Mönchengladbach, Renânia do Norte-Vestfália
Apelido: Potros, A German Team, Die Fohlen, Foals
Posição na Bundesliga 21-22: 10º
Projeção: briga por Europa League

Depois de fracassar de forma retumbante sob o comando de Adi Hütter, agora o Borussia Mönchengladbach visa uma nova tentativa de reconstrução do elenco, dessa vez comandado por Daniel Farke, ex-treinador do Norwich. Ainda com algumas incertezas no elenco, o treinador tem a missão de levar o Borussia novamente a uma competição europeia, qualquer que seja.

QUEM CHEGOU E QUEM SAIU

Contratações: Oscar Fraulo (18 anos/ Midtjylland); Ko Itakura (25 anos, Manchester City)

Retornos: Hannes Wolf (23 anos/Swansea); Moritz Nicolas (24 anos /Viktoria Köln); Rocco Reitz (20 anos /St.Truiden); Torben Müsel (22 anos/KAS Eupen)

Saídas: Breel Embolo (25 anos/Monaco); László Bénes (24 anos/Hamburgo); Matthias Ginter (28 anos/Freiburg); Andreas Poulsen (22 anos/Aalborg BK); Famana Quizera (20 anos/Académico Viseu); Jonas Kersken (21 anos/Meppen); Keanan Bennetts (23 anos/sem clube)

DESTAQUE (JONAS HOFMANN)

Foto: Reprodução/Bundesliga

Tal qual um bom vinho, Jonas Hofmann evoluiu de forma exponencial desde que chegou ao Borussia Mönchengladbach. Outrora visto como jogador excedentário, o meio-campista passou a ser peça fundamental do time há algumas temporadas, fazendo até mesmo com que ele se tornasse parte do elenco da seleção alemã.

Na temporada passada, por exemplo, Jonas Hofmann contribuiu diretamente com 12 gols e cinco assistências em 26 jogos na Bundesliga, indo em contrapartida da campanha vergonhosa do Gladbach na competição. No auge da carreira, a permanência do jogador ainda é uma incógnita, tendo em vista que o vínculo se encerra ao final da atual temporada. Visto como peça fundamental para o elenco, o desejo do clube é de estender o vínculo com o meio-campista, que caso permaneça, deve ser peça-chave para Daniel Farke

FIQUE DE OLHO (OSCAR FRAULO

Foto: Reprodução/GettyImages

Habituado a encontrar jovens promessas em mercados alternativos, o Borussia Mönchengladbach resolveu apostar em Oscar Fraulo (18), meio-campista dinamarquês que defendia o Midtjylland. Ambicioso e com boa chegada ao ataque, Fraulo se junta a outros meio-campistas talentosos do clube ao lado de Florian Neuhaus, e Manu Koné. Sem tanto poder de investimento, os Foals voltam a apostar em um artificio que foi fundamental para reerguer o clube – a confiança no poder do time de olheiros.

POSSÍVEL SURPRESA (YVANDRO BORGES)

Foto: Reprodução/Kicker

Seguindo a linha de raciocínio anterior, outro nome que chama atenção da torcida é o do jovem Yvandro Borges, captado para a equipe sub-17 dos Die Fohlen no ano passado. Promissor, o luxemburguês de 18 anos já realizou 12 partidas pela seleção principal e anotou um gol, além de uma assistência. É difícil precisar se Yvandro Borges terá minutos durante a temporada, especialmente se reforços para o setor forem contratados, mas o ponta deixou boa impressão na pré-temporada e tem a confiança da direção.

COMO JOGA E TIME BASE

Diferentemente da temporada passada, os primeiros indícios dão conta que Daniel Farke abandonará o esquema com três defensores, possivelmente retornando ao 4231 ou 433. Ainda é cedo para apresentar perspectivas, até mesmo pelo número razoável de lesionados antes mesmo da estreia oficial da temporada. No primeiro teste oficial da temporada, diante do modesto Oberachern pela Copa da Alemanha, o treinador optou por escalar os jogadores em suas melhores funções, algo que o antigo treinador, Adi Hütter, relutava em fazer.

Time base: Sommer, Scally, Friedrich, Elvedi, Bensebaini; Koné, Neuhaus, Hofmann, Stindl, Thuram; Pléa

PALPITE

Levando em conta a superioridade nítida de três equipes (Bayern de Munique, Borussia Dortmund e RB Leipzig), o Borussia Mönchengladbach deve ter como objetivo o retorno as competições europeias – sempre almejando a Champions League, no entanto, como alvo realista, a Europa League. Além das equipes mencionadas, os Foals têm a concorrência de times que tem investido bem nas últimas temporadas, como Bayer Leverkusen, Wolfsburg e Eintracht Frankfurt.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s